Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Sucesso europeu no espaço

A sonda Smart-1, a primeira nave espacial europeia, despenhou-se hoje na Lua, terminando com êxito uma missão de três anos em que foram revelados novos e surpreendentes dados sobre o satélite natural da Terra.

Tal como planeado pela Agência Espacial Europeia, a Smart-1 despenhou-se ao início do dia no Lago de Excelência, na Lua.

A primeira nave espacial da Europa enviada ao satélite natural da Terra concluiu assim com êxito uma missão de três anos.

À velocidade de 7200 quilómetros por hora, o impacto da sonda provocou uma cratera de cinco a dez metros de largura por dez metros de profundidade e lançou poeira a vários quilómetros de altura.

Fechou com chave de ouro dois anos de valiosas observações científicas. A nuvem de pó e destroços provocada pela queda irá revelar ainda mais dados sobre a composição geológica lunar.

Graças à Smart-1, os cientistas detectaram pela primeira vez cálcio e magnésio na Lua, mediram as diferentes composições entre os picos das crateras lunares e das planícies vulcânicas, fizeram um novo mapa da superfície lunar, conheceram finalmente a totalidade da sua face oculta.

Com um metro de lado, 360 quilos de peso, lançada há três anos da Guiana Francesa, a Smart-1 serviu também para testar novas tecnologias. A sonda usou um motor iónico que permitiu percorrer cem milhões de quilómetros apenas com o consumo de 60 litros de combustível.

in: http://sic.sapo.pt/online/noticias/vida/20060903_Sucesso+europeu+no+espaco.htm

2 comentários

Comentar post