Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

GLONASS totalmente operacional em 2007

Segundo a Agência Espacial Russa, o GLONASS estará totalmente operacional em 2007. Actualmente o sistema inclui 14 satélites em órbita que aumentarão para 18 até 2007.
Como o GPS, a constelação de satélites do GLONASS consiste em 24 satélites, 21 em operação e 3 como backups.

De acordo com o site noticioso russo MosNews.com, o GLONASS orbita a Terra a uma altitude de 19.100 kms (ligeiramente mais baixo que o GPS). Cada satélite completa uma órbita em aproximadamente 11h15m. A distância entre cada satélite foi calculado de forma a que em qualquer ponto seja possível ter cinco satélite ao alcance.

Todos os satélites foram lançados de Tyuratam no Casaquistão. Os primeiros três satélites de testes foram colocados em órbita em Outubro de 1982 e os satélites operacionais entraram em serviço em Dezembro de 19983. Supostamente, o sistema deveria ter ficado operacional em 1991, mas a constelação apenas ficou completa em Dezembro de 1995.

Devido à situação económica da Rússia, apenas estavam operacionais em Abril de 2002 oito satélites, tornando o GLONASS praticamente inútil como ajuda à navegação.

De acordo com o MosNews.com, 11 satélites estavam operacionais em março de 2004, quando a situação económica russa melhorou. Em paralelo, foi desenvolvido o GLONASS-M, com um satélite operacional com uma esperança média de vida de 7 anos. Um bloco de três destes novos satélites foram lançados em Dezembro de 2004. Um satélite melhorado, o GLONASS-K, com um peso reduzido e uma vida operacional de 10 a 12 anos, deverá entrar em serviço em 2008.

Com a colaboração indiana, é proposto ter o sistema completamente operacional novamente em 2008 com 18 satélites, e até 2010 com todos os satélites – 24.