Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

India pretende Mísseis ICBM's

A Índia divulgou que quer dotar-se de mísseis balísticos com alcance mundial. O Deccan Herald citou o Ministro de Defesa Indiano que afirmou que com o sucesso do Agni (míssel de médio alcance), está em consideração a criação de mísseis intercontinentais com alcance entre 5400 a 7200 milhas.


O ICBM será provavelmente um míssil balístico tripartido com combustível sólido nos foguetões, na primeira e segunda fase, e liquído na terceira. O peso do míssil no lançamento rondaráa as 270 toneladas e está planeado para ter um erro de impacto de cerca de 1,5 milhas. Espera-se que o ICBM seja testado em 2008 e que se junte às forças armadas indianas em 2015.


Ao desenvolver mísseis ICBM a Índia confirmará o seu estatuto de potência global/ regional e dar-lhe-à entrada num clube selecto que inclui a Rússia, os Estados Unidos, a França, Grã-Bretanha, apesar da Coreia do Norte e o Irão possuirem também programas de ICBM's. O novo ICBM dará capacidade dissuassora à Índia de atingir alvos em qualquer lugar, como por exemplo a China.


A Índia provavelmente contará com o apoio americano na concepção do seu novo ICBM. Os desafios de engenharia parecem modestos e dentro das capacidades indianas segundo os peritos americanos no terreno.


(Para saber mais: http://www.spacewar.com/news/missiles-05zzzq.html)

1 comentário

Comentar post