Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Leitura de inicio de ano

 

 

 

 

Com o ínicio do ano a ser marcado pela China e os seus planos espaciais, aqui fica uma sugestão de leitura: "Asia Space Race" de James Clay Moltz da Naval postgraduate School.

 

Esta obra retrata a competição emergente que tanto se fala nos últimos dias. Como o autor nota logo na introdução, o título da obra pode ser um pouco impróprio: ao contrário do que aconteceu na competição bipolar entre Estados Unidos e a ex- União Soviética à meio século atrás, o ambiente actual tem várias corridas espaciais entre China, India, Japão e outras potências espaciais emergentes na região. Cada país tem as suas próprias capacidades, interesses e objectivos no espaço resultando tanto numa cooperação como competição entre eles e com outras nações, incluindo os EUA.

 

Este livro examina história, tecnologia e politicas das maiores potências espaciais asiáticas com um capítulo dedicado à China, India, Japão e Coreia do Sul; o 5º capítulo debruça-se sobre as várias pequenas potências da região (desde o Paquistão à Indonésia). Estas secções terminam com um panorama geral, incluindo interacções com outros países.