Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Actualização sobre a falha na órbita dos satélites Galileo

 

No centro de controlo da ESA, ESOC, continuam os trabalhos em torno dos dois satélites Galileo.

 

Apesarem de não estarem na sua órbita nominal, os satélites Galileo estão sob controlo, desde que foram libertados do último andar do lançador, tendo a sua posição orbital sido determinada pelas equipas europeias em terra, instaladas no ESOC em Darmstadt.   

 

Os controladores do ESOC, em cooperação com o construtor dos satélites, OHB, confirmam o bom estado e comportamento de ambos os satélites. Segunda-feira foram desenrolados os painéis solares do primeiro satélite. Em breve será feito o mesmo para o segundo satélite já que os painéis solares de ambos os satélites tinham ficado parcialmente dobrados.

 

Os dois satélites continuam a estar em modo de segurança, apontando corretamente para o Sol, devidamente abastecidos e totalmente sob controlo das equipas da ESA/CNES e do fabricante OHB, instaladas no centro de controlo da ESA.

 

Em paralelo, está a ser investigada a hipótese de tirar o máximo partido dos satélites, apesar de não estarem na sua órbita nominal e das limitadas capacidades de propulsão dos mesmos.

 

(retirado daqui)