Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Bélgica lança os seus primeiros nano-satélites

(Crédito: Spaceshots)

 

Os primeiros nano-satélites belgas foram lançados com sucesso para órbita da Terra a 600 km de altitude, na quinta-feira à noite da semana passada, anunciou o Secretário de Estado da Política de Ciência, Philippe Courard num comunicado.

 

O lançamento de dois satélites nano é a primeira aplicação do belga Space Act, aprovado em 2005 e revisto no final de 2013, que permite à Bélgica  autorizar e fiscalizar o cumprimento dos tratados e normas internacionais para as missões de satélite na àrea de segurança do espaço e mitigação de detritos espaciais, explica Philippe Courard.

 

Os satélites a bordo, chamados CubeSats foram projetados, fabricados e testados por vários parceiros de diferentes nacionalidades, incluindo os belgas von Karman VKI (BE), ISIS – Innovative Solutions In Space (NL), Mullard Space Science Laboratory (UK), Technische Universitat Dresden (DE), Surrey Space Center (UK) et AMSAT (FR/NL).

 

O lançamento ocorreu na quinta-feira à noite a partir da base de lançamento em Yasny no sul da Rússia usando o foguete Dnepr ucraniano, que lançou um total de 33 pequenos satélites.