Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Mulheres no Espaço - Karen Nyberg

 

 

 

 

Karen LuJean Nyberg nasceu em Parkers Prairie a 7 de Outubro de 1969. É uma astronauta norte-americana, veterana de duas missões no espaço, feitas no vai e vém espacial e na nave russa Soyuz.

 

Formada em engenharia mecânica pela Universidade de Dakota do Norte em 1994, continuou os seus estudos na Universidade do Texas, em Austin, onde as suas pesquisas se focaram na termorregulação humana e testes e controlos experimentais do metabolismo. Este trabalho foi sua tese de doutoramento em 1998.

 

Karen trabalhou no Centro Espacial Johnson de 1991 a 1995. Após obter o doutoramento, assumiu uma posição na Divisão de Sistemas Termais trabalhando como engenheira de sistema no controlo do meio ambiente para modernizar os sistemas de controles térmicos das roupas espaciais e avaliar as tecnologias de arrefecimento das roupas. Criou desenhos conceituais de estudo dos sistemas de controlo termal para as futuras missões de pouso na Lua e em Marte e análises de um sistema de controlo de ambiente para uma câmara hiperbárica.

 

Foi selecionada para o programa de treino de astronautas da NASA em Julho de 2000, e após dois anos de treino e avaliação foi qualificada como especialista de missão, servindo na equipa de apoio a astronautas da Expedição 6, que passou seis meses a bordo da ISS, entre Novembro de 2002 e Maio de 2003. Em 2006 fez parte da equipa que participou da NEEMO 10, um exercício de simulação e treino em águas profundas, no laboratório submarino Aquarius, criado para ajudar a NASA a preparar tripulações para uma volta à Lua e eventuais missões tripuladas a Marte.

 

Nyberg foi pela primeira vez ao espaço como tripulante da nave Discovery namissão STS-124, lançada de Cabo Canaveral a 31 de Maio de 2008, para acoplar a segunda parte do módulo japonês Kibo. Participou numa segunda missão a 28 de Maio de 2013, quando foi lançada do Cosmódromo de Baikonur como tripulante da nave russa Soyuz TMA-09M para integrar as Expedições 36 e 37 na ISS. Regressou a 11 de Novembro de 2013, depois de 166 dias em órbita com a sua tripulação, pousando suavemente nas planícies do Cazaquistão.