Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Sugestão de leitura

 

Em 25 de Janeiro de 1984, no relatório anual do Estado da União endereçado a uma sessão conjunta do Congresso, o presidente Ronald Reagan anunciou que "hoje à noite, eu estou pedi à NASA para desenvolver uma estação espacial permanentemente tripulada e para fazê-lo dentro de uma década." Alguns momentos depois, ele acrescentou: "Queremos que os nossos amigos nos ajudem a enfrentar estes desafios e compartilhar os seus benefícios, a NASA irá convidar outros países a participar, para que possamos fortalecer a paz, construir a prosperidade, e expandir a liberdade para todos aqueles que compartilham os nossos objetivos." Pouco mais de um ano depois, durante o período de Abril-Junho  de 985, Canadá, Japão e Europa aceitaram o convite dos EUA para participar do programa da estação espacial. Assim, iniciou-se a mais ampla experiência de cooperação técnica internacional já realizada.
 
Este ensaio é uma história e análise dos degraus que levaram às origens da parceria para a estação espacial entre os Estados Unidos e seus aliados mais próximos. O livro traça o processo que levou à decisão de convidar outros países para participar no projecto e os seus motivos para aceitar esse convite. Não abrangidos nesta conta são as difíceis negociações durante o período de 1984-1988, que levaram a um conjunto inicial de acordos que permitiu que aos potenciais parceiros trabalharem em conjunto durante as primeiras fases do programa da estação espacial e, em seguida, para o conjunto final de acordos de criação da parceria da estação espacial. Além disso, o convite de 1993 à Federação da Rússia para se juntar aos parceiros originais não é discutido, nem são as negociações posteriores para rever os acordos de 1988.

 

A NASA disponibiliza o livro gratuitamente aqui em inglês. Se preferirem podem compra-lo aqui

 

Boas leituras!