Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

AstroSamantha: a inspirar miúdos e graúdos

Outubro 03, 2016

Vera Gomes

IMG_20160928_172824.jpg

 

Uma das vantagens de viver em Bruxelas é que existem ao longo do ano vários eventos relacionados com o espaço e que são bastante interessantes. 

 

Na semana passada tive oportunidade de ouvir uma astronauta italiana que esteve a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS): a Samantha Cristoforetti. AstroSamantha, como é mais conhecida, detém o recorde de permanência no Espaço para uma mulher e há um documentário, lançado em Itália em Março deste ano, sobre a astronauta. Podem ver o trailer aqui

 

A sala do Parlamento foi manifestamente pequena para acolher tantos curiosos que teimavam em entrar para escutar a AstroSamantha. Depois de uma breve apresentação, seguiu-se uma ronda de perguntas e respostas. E houve lugar para tudo: momentos mais sérios, momentos mais divertidos e sobretudo um apelo a um maior emprenho político pela ciência e pelo espaço. 

 

IMG_20160928_182128.jpg

AstroSamantha confessou que é difícil ir ao Espaço e voltar. É difícil ir porque se deixa para trás amigos, família; difícil regressar porque estas na ISSé uma experiência inesquecível. Confessou igualmente que não gostou do film Gravity e que escreveu no seu blog sobre as 20 coisas que não gostou acerca do filme, até porque na sua opinião, o filme seria uma oportunidade para informar as pessoas sobre o trabalho que se desenvolve na ISS. Devido a tanta coisa que no filme não corresponde à verdade, existem pessoas que agora acreditam que a ISS é uma criação de Hollywood. 

 

Em respeito a Marte e a possíveis viagem humanas a Marte, a astronauta italiana considera que antes será necessário voltar à Lua, porque existe tanto para descobrir e para fazer antes de se encetar numa viagem até Marte.

 

A pergunta que sacou mais risos da assistência foi feita por uma criança de 9 anos, que estava em pulgas para fazer: queria saber se a Samantha tinha visto extra-terrestres a bordo da Estação Espacial Internacional.  Samantha respondeu entre sorrisos, que se os há, eles são tão mas tão pequenos que ela não os viu. 

Estação Espacial Internacional: novos planos para o seu futuro?

Setembro 01, 2016

Vera Gomes

 

Bill Hill,  Deputy Associate Administrator for Exploration Systems Development da NASA, durante uma conferência de imprensa sobre a missão "journey to Mars" revelou que a NASa espera dar o controlo da Estação Espacial Internacional a um operador comercial algures por vota de 2020. 

 

"A NASA está a tentar impulsionar o desenvolvimento económico da órbita baixa. Em última instância, o nosso desejo é dar o controlo da Estação Espacial Internacional a uma entidade comercial ou outra entidade com capacidade comercial de forma a que a a investigação possa continuar na órbita baixa." - disse Bill Hill. 

 

A cronologia coincide com o fim do actual financiamento do governo americano para o programa da Estação Espacial Internacional, que foi extendida pela administração do Presidente Obama da data original para "desorbitagem" 2016 para 2020.  

100.000 órbitas em torno da Terra

Maio 23, 2016

Vera Gomes

 

Passados quase 18 anos do seu lançamento, a Estação Espacial Internacional completou a sua 100.000ª órbita em torno do planeta Terra. O feito, assinalado esta segunda feira, dia 16 de maio, foi registado por Jeff Williams, tripulante da Expedição 47, num pequeno vídeo.

 

Parte destas voltas foram testemunhadas por mais de 220 astronautas e cosmonautas que, nos últimos 15 anos, ocuparam os habitáculos da estação, como sublinha Williams. 

 

 

A EEI circula a quase 30.000 km/h e demora apenas 90 minutos a completar uma volta ao planeta azul. Hoje, a estação já viajou mais de 4.254.046.974 quilómetros, uma distância que quase daria para chegar a Neptuno.

 

Caso queira ter um relance da estação, a Agência Espacial Europeia dá-lhe uma ajudinha com um site que lhe permite seguir, em tempo real, a localização deste laboratório no espaço.

 

Por enquanto, os planos são para manter a EEI em órbita pelo menos até 2024.

 

(retirado daqui)

Das coisas que nos fazem acreditar que tudo é possível. : )

Janeiro 25, 2016

Vera Gomes

http://i2.cdn.turner.com/cnnnext/dam/assets/160118103230-space-flower-twitter-scott-kelly-exlarge-169.jpg

 

 

A zínia, uma planta com flores comestíveis, foi plantada a bordo da Veggie na Estação Espacial Internacional em Novembro passado para ajudar a "fornecer informações sobre outras plantas floridas que poderiam ser cultivadas no espaço", de acordo com o blog da NASA.

Um pouco mais de duas semanas para o período de crescimento, o astronauta da Nasa Kjell Lindgren observou que as plantas sofriam de alta humidade e baixo fluxo de ar. No entanto, os esforços para resolver o problema foram adiadas devido a uma caminhada espacial não planeada em meados de Dezembro.

Após a caminhada espacial, os astronautas colocaram ventoínhas a operar no máximo na câmara Veggie para secar as folhas. Mas já era tarde demais: o tecido das folhas de algumas Zínias começaram a morrer e começou a crescer bolor. O astronauta Scott Kelly conseguiu contudo cuidar das plantas e o resultado está a vista: a primeira flor espacial!

 

Podem ler mais sobre o atribulado percurso da primeira flor espacial e das estapas até florir aqui.

 

 

Espaço fica um bocadinho mais povoado

Janeiro 21, 2016

Vera Gomes

 

A concorrência no espaço comercial ficou um pouco mais intensa. Em conferência de imprensa no passado dia 14 de Janeiro, os oficiais da NASA anunciaram que a empresa privada Sierra Nevada irá juntar-se à SpaceX e à Orbital ATK e começar a lançar missões de reabastecimento de carga para a Estação Espacial Internacional. Cada companhia terá um contrato para o minimo de seis missões.


Sierra Nevada não é esperado para começar a voar o seu Space Shuttle - Dream Chaser - para a ISS até 2019, mas é esperado para ser agotador de águas para a ciência. As missões da Sierra Nevada irão incluir uma opção que vai ter uma aterragem relativamente suave e pode ser rápida e facilmente descarregados, como o Falcon 9 da SpaceX. A Sierra Nevada antecipa poder retornar carga da Estação Espacial Internacional e recuperá-la na Terra dentro de 3 a 6 horas. Isto seria uma enorme vantagem para os cientistas que actualmente podem ter que esperar dias para recuperar amostras.

Arte portuguesa no Espaço

Setembro 28, 2015

Vera Gomes

tek vhils iss

 

Há arte portuguesa a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS na sigla em inglês). O artista Alexandre Farto, também conhecido como Vhils, criou uma instalação que está no centro de investigação espacial desde o dia 2 de etembro.

 

“A partir de determinada altura tornou-se difícil que acontecesse, por causa de uma série de autorizações, mas acabou por suceder e foi uma surpresa”, disse Alexandre Farto ao jornal Público, que faz o relato da história.

 

A peça foi concebida para a cúpula da ISS, o melhor local da estrutura para ver o planeta Terra, e tem como objetivo projetar no rosto do astronauta dinarmaquês as 16 vezes em que o Sol nasce e se põe. Um vídeo da instação pode ser visto neste link.

 

“É uma peça efémera a cada segundo, porque o contexto vai-se sempre alterando. Pensei numa peça para o espaço da nave, mas que não se impusesse ao lugar”, detalhou ao jornal.

 

O projeto foi realizado em parceria com a Agência Espacial Europeia (ESA na sigla em inglês) e a escolha recaiu sobre o astronauta dinamarquês pois faz parte de um projeto de um outro artista português: o documentário-filme O sentido da Vida, do realizador Miguel Gonçalves Mendes.

 

O realizador desafiou Vhils a fazer diferentes intervenções artísticas de sete personalidades que participam no filme e cujas histórias ajudarão a contar de Giovanne, uma pessoa que tem a doença dos pezinhos e que parte numa viagem de autodescoberta.

 

(retirado daqui)

SpaceX mostra o interior da cápsula que vai levar astronautas ao espaço

Setembro 11, 2015

Vera Gomes

 

Ver o cockpit de uma nave espacial é algo que por vezes só é possível nos filmes e/ ou em alguns museus. Além disso, excepção para os museus,  trata-se de uma representação aproximada. Agora a SpaceX partilha com todo o mundo imagens e um vídeo do interior da Crew Dragon, a cápsula que vai levar humanos para o espaço dentro de dois anos.

 

A Crew Dragon, que vai levar astronautas até à Estação Espacial Internacional e 2017, tem um interior minimalista, mas ao mesmo tempo cuidado e que pretende transmitir o maior conforto possível aos seus passageiros.

 

 

 

Pelas imagens é possível perceber que os interiores estão reduzidos ao necessário, havendo uma predominância da cor branca que traduz uma sensação de mais espaço. Mas nem por isso deixa de haver um toque luxuoso: os assentos são construídos em fibra de carbono e revestido a Alcantara, um tipologia de pele sintética.

 

A cápsula espacial tem ainda quatro janelas para que os tripulantes possam observar a Terra, a Lua e o restante Sistema Solar à medida que vão percorrendo o trajeto da viagem.

 

Três ecrãs vão fornecendo detalhes em direto sobre o estado da cápsula e da viagem. Há ainda um sistema de climatização que pode variar entre os 18 e os 26 graus.

 

O veículo tem também um sistema de evacuação de emergência que de acordo com a SpaceX, provoca nos astronautas as mesmas forças G que são possíveis encontrar em algumas diversões da Disneyland.

 

A Crew Dragon é totalmente autónoma, mas caso seja necessário tem um sistema de controlo manual para que a tripulação possa tomar manobrar o veículo.

 

(crédito imagem e video: SpaceX)

Grátis!

Julho 23, 2015

Vera Gomes

A NASA disponibilizou online um livro que fala sobre os benefícios para a Humanidade das investigações e pesquisas que têm sido feitas ao longo dos anos a bordo da Estação Espacial Internacional.

 

O livro realça benefícios em várias áreas chave incluindo saúde humana, programas educacionais e resposta a situações de emergência.

 

Podem fazer o download do livro aqui. 

Nave espacial russa está a cair em direção à Terra

Abril 29, 2015

Vera Gomes

"Começou a descida. Não tem mais nenhum sítio para onde ir", disse um responsável conhecedor da situação à AFP, sob condição de anonimato, antes de uma declaração da agência espacial russa, que é esperada ainda hoje.

 

"É agora claro que começaram reações absolutamente incontroláveis", acrescentou esta fonte, que a agência francesa não identifica, mas que explica que a descida marca o fim da missão 'Progress', apesar de as autoridades russas ainda irem tentar mais uma vez a comunicação.

 

"Marcámos mais duas comunicações para tranquilizar a nossa consciência", disse o responsável, acrescentando que é difícil prever quando é que o veículo cairá, de facto, na Terra.

 

O foguetão Soyuz que levava a nave Progress M-27M com mantimentos para a Estação Espacial Internacional foi lançado na terça-feira, mas as comunicações foram perdidas pouco depois.

 

Um porta-voz da agência russa não quis comentar o sucedido.

 

O programa espacial russo é um motivo de orgulho para a população local, mas nos últimos anos têm surgido uma série de contratempos e falhanços, nomeadamente a perda de vários satélites e a queda de uma nave similar, em 2011, na Sibéria.

 

O vice-primeiro-ministro russo com o pelouro da indústria aeroespacial, Dmitry Rogozin, actualmente na China, disse estar em constante contacto com a agência espacial e escreveu no Twitter: "Estamos todos preocupados com a nossa nave de carga".

 

A NASA disse entretanto que a nave espacial não levava a bordo material fundamental para a secção norte-americana da Estação Espacial Internacional, mas que os astronautas têm mantimentos suficientes para os próximos meses.

 

 Em baixo podem ver o vídeo onde se verifica que o Progress esteve num rodopio alucinante quando chegou a órbita.

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Onde compro livros

Free Delivery on all Books at the Book Depository

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Follow