Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

NASA não perdeu esperança de encontrar água na Lua

Outubro 13, 2014

Vera Gomes

 

 

A NASA tem dois programas, que deve lançar em 2017 e 2018, para conseguir ajudar a Humanidade a expandir-se no sistema solar. A agência pretende minerar a água existente na Lua, sob a forma de gelo.

«Se vamos ter humanos na Lua e precisamos de água para beber, respirar, combustível ou qualquer outra coisa, é bastante mais barato retirá-la do solo lunar do que levá-la connosco», explicou uma das responsáveis destes programas, citada pelo Space.com.

O Lunar Flashlight é o programa que deve ser lançado em 2017, com o formato de uma pequena caixa de cereais que depois se expande para ter uma vela solar que mede cerca de 80 metros quadrados.

Esta sonda vai estar na órbita da Lua durante os primeiros seis meses depois do lançamento e depois passar um ano à volta do astro até chegar a ficar a 20 quilómetros da superfície. O objetivo é mapear e medir a quantidade de gelo existente na Lua em permanência. Depois de os mapas serem criados, será mais fácil detetar quais as regiões onde os humanos se devem dirigir para encontrar água.

Há ainda um segundo programa que visa colocar uma sonda no terreno e explorar o solo mais de perto. Esta sonda, a Resource Prospector Mission, deve ser lançada apenas em 2018.

 

(retirado daqui)

Como levar humanos até Marte?

Outubro 09, 2014

Vera Gomes

 

 

A agência espacial norte-americana tem vários investigadores a estudarem a melhor forma para que o ser humano possa aguentar durante uma viagem de mais de 180 dias até ao planeta Vermelho. A hipótese de colocar os astronautas num sono profundo prolongado é a que mais tem sido investigada, segundo a Cnet.

Os cientistas estão a colaborar com a SpaceWorks Entreprises para validar como seria um voo onde os astronautas estariam num estado conhecido por torpor. Esta é a solução encontrada pelos hospitais para tratamento de pacientes  em estado crítico.

Até agora, os investigadores conseguiram induzir o torpor durante sete dias. Para atingir este estado, os astronautas terão de usar um tubo pelo nariz que induz um líquido refrigerante, para que a temperatura do corpo seja reduzida gradualmente até atingir os 31 graus celsisus. A alimentação teria de ser feita através de um tubo intravenoso. A melhor solução por agora parece ser criar um esquema de rotatividade, onde um membro está acordado durante dois ou três dias e depois é colocado em torpor durante 14 dias.

 

(retirado daqui)

Rússia: "Canadá está a politizar a exploraçao espacial!"

Outubro 08, 2014

Vera Gomes

 

 

A recusa do Canadá em permitir que os delegados russos participassem no International Astronautical Congress irritou Moscovo, que disse que a decisão vai contra uma politica de cooperação espacial internacional e que equivale a politizar a exploração do espaço por causa do conflito na Ucrânia.

Um porta-voz da embaixada russa, terça-feira passada, chamou a decisão de Ottawa de negar vistos para os delegados - incluindo um dos astronautas mais famosos do país - infeliz.

 

Podem ler mais sobre a recusa de vistos aos participantes russos e chineses aqui e aqui.

Eleições intercalares nos EUA poderão definir o debate sobre os lançadores americanos

Outubro 07, 2014

Vera Gomes

 

 

O debate sobre a política nacional de segurança de lançamentos que tem tudo, que acima de tudo tem enchido as agendas dos comités de defesa do Congresso durante os últimos seis meses pode mudar de direcção após as eleições intercalares de Novembro, dependendo do resultado.

Os Republicanos esperam ganhar assentos suficientes para obter uma maioria no Senado, um movimento que poderia afectar as decisões sobre a forma de introduzir mais concorrência para o programa de lançamento da Força Aérea dos EUA e enfraquecer o serviço que utiliza o motor de fabrico russ
o que alimenta a primeira etapa do Atlas 5, um dos dois veículos  operados pela United Launch Alliance (ULA). A empresa domina actualmente o governo dos Estados Unidos - em especial a segurança nacional - no mercado de lançamentos.

 

"Se os republicanos ganharem a maioria, o senador John McCain (Arizona), provavelmente, assumirá a presidência do Comité dos Serviços Armados do Senado", disse Mackenzie Eaglen, um investigador residente no American Enterprise Institute, um think tank conservador. McCain tem sido um poderoso e persistente defensor da concorrência e crítico da ULA nos últimos dois anos.

 

Se os democratas garantirem a maioria, o senador Jack Reed (DR.I.) será o candidato mais bem posicionado a presidente do Comité dos Serviços Armados do Senado, cujo actual presidente, o senador Carl Levin (D-Mich.), está em vias de se aposentar.

A comunidade espacial militar segue de perto a corrida a Senador no Colorado , que conta com o senador Mark Udall, um democrata, que enfrenta Cory Gardner, um membro republicano da Câmara representando Greeley, Colorado.

Esta corrida, combinada com a possível vitória republicana no Senado, poderia ter implicações para a ULA com sede em Denver, assim como em várias actividades na àrea da segurança nacional.

 

Podem ler mais sobre este tópico aqui.

Indianos continuam a dar cartas no Espaço

Outubro 06, 2014

Vera Gomes

 

 

 
Como parte das aspirações da India em construir um sistema de navegação por satélite regional equivalente ao GPS americano, a agência espacial indiana - ISRO - intende enviar sete séries de satélites para colocar em funcionamento o IRNSS (Indian Regional Navigation Satellite System). O próximo lançamento irá ocorrer no próximo dia 10 de Outubro.
 
Podem ler mais sobre este tópico aqui e aqui.

Semana Mundial do Espaço 2014

Outubro 04, 2014

Vera Gomes

 

 

 

Começa hoje a Semana Mundial do Espaço 2014 e decorre até dias 10 de Outubro. Todos os anos nesta semana, o Mundo celebra a ciência e a tecnologia. A Assembleia Geral da ONU decidiu em 1999 que a Semana Mundial do Espaço iria decorrer todos os anos de 4 a 10 de Outubro. Estas datas comemoram dois eventos:

 

* 4 Outubro 1957: Lançamento do primeiro satélite artificial: Sputnik 1

* 10 Outubro 1967: A assinatura do Tratado de Principios de Reguladores das Actividades dos Estados na Exploração Espacial e de Uso Pacífico do Espaço Exterior, incluindo a Lua e os Outros Corpos Celestiais.

 

 

Podem saber mais sobre este evento, aqui.

 

 

"F**k Earth!", por Ellon Musk

Outubro 03, 2014

Vera Gomes

 

 

"F**k Earth!! foi assim que Ellon Musk, CEO da SpaceX apresentou a sua ideia: enviar mais de 1000 humanos para Marte se a raça humana quer ter um futuro.

 

Numa entrevista concedida sobre a opinião de Musk acerca da exploração espacial, ele disse que ir a Marte é tão urgente e crucial como tirar biliões de pessoas da pobreza, ou erradicar uma doença mortal.

 

"Eu acho que há um forte argumento humanitário para tornar a vida multi-planetária", disse: 'a fim de salvaguardar a existência da humanidade, no caso de que algo catastrófico aconteça, caso em que ser pobre ou ter uma doença é irrelevante, porque a humanidade seria extinta. Seria como "Boa notícia, os problemas da pobreza e da doença foram resolvidos, mas a má notícia é que os seres humanos deixaram de existir." 

 

Podem ler a entrevista na íntegra (em inglês) aqui.

Skyorbiter, um satélite atmosférico made in Portugal

Outubro 02, 2014

Vera Gomes

 

Tem mais de 22 metros de envergadura, e está à espera, num estaleiro no Barreiro, de uma pista livre para poder descolar. Chama-se Skyorbiter e é o primeiro satélite atmosférico de baixa altitude do mundo. Foi desenhado para voar 42 mil quilómetros sem reabastecimentos.

 

Conheça a história deste veículo não tripulado gigante da Quarkson no vídeo que se encontra inserido nesta página.

 

 

 

 

(retirado daqui)

 

Estados Unidos e India colaboram na Terra e em Marte

Outubro 01, 2014

Vera Gomes

 

http://www.nasa.gov/sites/default/files/toronto2_2_0.jpg

 

 

 

Numa reunião na passada Terça-feira em Toronto, à margem do International Astronautical Congress (IAC), o administrador da Nasa, Charles Bolden e K. Radhakrishnan, presidente da Organização de Pesquisa Espacial da Índia (ISRO), assinaram dois documentos para lançar uma missão de satélite da NASA-ISRO para observar a Terra e estabelecer um caminho para futuras missões conjuntas para explorar Marte.

 

Os dois líderes das respectivas agências espaciais reuniram-se para discutir e assinar uma carta que estabelece um Grupo de Trabalho Marte NASA-ISRO para investigar o reforço da cooperação entre os dois países na exploração de Marte. Também assinaram um acordo internacional que define como as duas agências irão trabalhar juntas na missão NASA-ISRO Radar de Abertura Sintética (Nisar), cujo lançamento está previsto para 2020.

 

Podem ler o comunicado oficial da NASA sobre este assunto aqui.

Pág. 2/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Onde compro livros

Free Delivery on all Books at the Book Depository

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Follow