Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Astropolítica

"Se se pudessem interrogar as estrelas perguntar-lhes-ia se as maçam mais os astrónomos ou os poetas." Pitigrilli

Procuram-se ideias que tragam tecnologia do Espaço para o dia-a-dia da Terra

Junho 22, 2017

Vera Gomes

tek space summer school

 

O Instituto Pedro Nunes e o Observatório Geofísico e Astronómico da Universidade de Coimbra voltam a promover uma iniciativa que incentiva os jovens a criarem um negócio baseado em recursos tecnológicos usados no Espaço.

 

O desafio é lançado em mais uma Coimbra Space Summer School, uma iniciativa que durante três dias, de 13 a 15 de julho, recebe estudantes, investigadores e empreendedores com vista à partilha de experiências e debate de ideias que possam levar à implementação de um novo negócio.

 

Neste caso, pensa-se sobre quais as tecnologias e os recursos tecnológicos utilizados em missões espaciais que podem ser aproveitados para criar soluções inovadoras para diversas áreas do dia-a-dia no planeta Terra - transportes, ambiente, agricultura, bem-estar, entre outras.

 

Com o apoio da Incubadora de Empresas da Agência Espacial Europeia em Portugal, já são 13 as empresas portuguesas a fazer uso da tecnologia espacial para reinventar o mundo empresarial. A Connect Robotics é um desses exemplos. Através do uso de um drone, a empresa fez uma demonstração da distribuição do correio pelos CTT.

 

Várias outras empresas utilizaram tecnologia no espaço para criar soluções para problemas sociais, como é o caso da Findster que, através da geolocalização, veio permitir o controlo total da localização das crianças e animais de estimação, e da Space Layer Technologies que, com os dados de satélite de Observação da Terra, emite alertas sobre a qualidade do ar a pessoas com doenças respiratórias.

 

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas, em grupo ou individualmente, até dia 6 de julho.

 

A Coimbra Space Summer School está integrada numa iniciativa mais alargada dedicada ao Espaço, que decorre na cidade das capas negras e que também prevê a possibilidade de fazer perguntas ao cosmonauta russo Mikhail Kornienko, um dos homens que mais dias seguidos passou na Estação Espacial Internacional.

 

(retirado daqui e daqui)

‘Moon Shot,’ a história do Google Lunar XPRIZE

Março 17, 2016

Vera Gomes

Já está disponível online um documentário sobre a competição Google Lunar XPRIZE. 

 

As nove partes do documentário "Moon Shot" sobre as equipas que competem para pousar uma sonda na Lua está disponível gratuitamente no Google Play gratuitamente, e estará no YouTube hoje. O documentário, teve a sua estreia mundial no início desta semana no festival South by Southwest em Austin, Texas, segue algumas das 16 equipas ainda em busca dos 30 milhões de dólares em prémios.

 

Freguês que se segue

Março 03, 2016

Vera Gomes

SpaceIL lander

 

A X Prize Foundation está a começar a pensar sobre qual devera ser o seu próximo espacial. Um oficial de fundação disse numa recente apresentação que a organização está a começar o processo para desenvolver um novo premio espaço que iria suceder o Google Lunas Prize X, que está previsto terminar no final de 2017. A fundação espera ter um um premio pelo menos nas fases de planeamento mais avançadas pela altura em que Lunar Google Prize X termina.

 

Podem ler mais sobre o assunto, aqui

O que é nacional é bom: "Físico português vence prémio da Sociedade Americana de Física"

Julho 31, 2015

Vera Gomes

 

O Prémio Thomas H. Stix é um prestigiado galardão na área da física, que até hoje nenhum cientista português havia alcançado. A Sociedade Americana de Física distinguiu agora Nuno Loureiro, investigador do Instituto de Plasmas e Fusão Nuclear do Instituto Superior Técnico de Lisboa, pela sua contribuição na área da física dos plasmas.

 

O investigador, que terminou o pós-doutoramento na Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, e no Centro para a Energia de Fusão de Culham, no Reino Unido, regressou a Portugal em 2008 para integrar o Instituto de Plasmas e Fusão Nuclear. O estudo que tem vindo a desenvolver centra-se na reconexão magnética, um fenómeno responsável pelas erupções solares e que afecta as comunicações via satélite ou as missões espaciais tripuladas.

 

“As explosões solares, além de intrinsecamente interessantes, desempenham um papel determinante no chamado clima espacial, cuja compreensão é crítica para as missões espaciais tripuladas e para a estabilidade de redes de comunicação e satélites”, refere Nuno Loureiro, num comunicado de imprensa.

 

A reconexão magnética é o nome dado à reestruturação de um campo magnético no plasma – o quarto estado físico da matéria, que está presente no Sol. Quando grandes tensões são aplicadas num campo magnético, este em vez de quebrar, vai reconfigurar-se de modo a acomodar estas forças. “É processo algo semelhante ao que acontece quando dobramos uma banda de borracha: se aplicarmos uma tensão não muito elevada, ela retornará à posição inicial; porém se a forçarmos mais, irá eventualmente quebrar-se”, explica ao PÚBLICO Nuno Loureiro. “O campo magnético no plasma não quebra propriamente, mas reconfigura-se – isto é, “reconecta-se” – para acomodar estas forças. Nesse processo, liberta-se – de forma explosiva – imensa energia, é esta libertação de energia que associamos às explosões solares.”

 

O trabalho do investigador premiado pode ainda contribuir para o desenvolvimento do Reactor Internacional Termonuclear Experimental (ITER, na sigla inglesa), em construção em Cadarache, no Sul de França, e que não deverá estar pronto antes de 2020. Este reactor pretende ser o primeiro dispositivo no mundo capaz de manter uma reacção de fusão nuclear durante vários minutos e de gerar quantidades consideráveis de energia. Entre os parceiros do reactor está a União Europeia, os Estados Unidos, o Japão, a China e a Rússia.

 

O prémio atribuído pela Sociedade Americana de Física no valor de 2000 dólares distingue jovens investigadores (até dez anos após a conclusão do doutoramento) cujas contribuições sejam consideradas excepcionais para a área da física de plasmas. A cerimónia da atribuição realizar-se-á em Novembro deste ano, na reunião anual da Divisão de Física de Plasmas da Sociedade Americana de Física, em Savannah, nos Estados Unidos.

 

(retirado daqui)

Maior organização europeia de centros de ciência institui prémios Mariano Gago

Junho 12, 2015

Vera Gomes

créditos: Pavilhão do Conhecimento

 

O mais prestigiado prémio europeu de museologia científica tem, a partir de hoje, o nome Mariano Gago Ecsite Awards. Foi esta a forma encontrada pelos museus e centros de ciência europeus para reconhecer a intervenção de Mariano Gago no campo da cultura científica na Europa e no mundo.

 

 

A proposta partiu de antigos dirigentes desta organização, com os quais o ex-ministro português colaborou ativamente nos últimos anos, e foi formalmente aprovada pela administração desta instituição, que representa perto de 400 museus e centros de ciência, distribuídos por 50 países, e atraindo todos os anos perto de 40 milhões de visitantes.

 

Mariano Gago granjeou grande respeito e popularidade entre a grande comunidade de museus, centros de ciência e outras instituições de comunicação de ciência, enquanto ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Portugal e também na qualidade de especialista de política de ciência e tecnologia, tendo sido membro de várias organizações internacionais.

 

Mariano Gago Ecsite Awards será entregue hoje, quinta-feira, durante a conferência anual do Ecsite, considerada por muitos como o maior e mais importante evento de comunicação de ciência na Europa, que decorre esta semana na cidade italiana de Trento, com mais de 1000 participantes.

 

O júri deste ano é composto por Annemies Broekgaarden (Rijksmuseum, Holanda), Carlos Coelho (Ivity Corporate Brand, Portugal), Dariusz Jemielniak (Kozminski University, Poliver) e Jean-Louis Kerouanton (University of Nantes, Franiv).

 

A edição deste ano da conferência anual do ECSITE marca também o fim do mandato de dois anos de Rosalia Vargas como presidente da instituição. A directora do Pavilhão do Conhecimento e presidente da Ciência Viva continuará na Administração e no Comité Executivo desta organização.

 

(retirado daqui)

 

Podem ler mais sobre Mariano gago e o espaço aqui e aqui.

Google Lunar Xprize: o "NASCAR da Lua"

Fevereiro 25, 2015

Vera Gomes

 

 

 

A Google oferece uma recompensa de 20 milhões de dólares a quem consiga enviar uma sonda para a Lua, percorrer 500 metros e enviar imagens para a Terra. O desafio pode tornar-se uma verdadeira corrida.

 

O desafio é extremamente complexo e o simples facto de se conseguir aterrar na superfície da Lua não significa sucesso imediato. Para se vencer o desafio, é necessário percorrer 500 metros e enviar imagens de volta para a Terra.

 

A Astrobiotic, um dos concorrentes, quer enviar a sonda Andy a bordo de um foguetão Falcon 9 da SpaceX antes do final de 2016. Agora, a empresa aceitou que a japonesa HAKUTO coloque também duas das suas sondas, Moonraker e Tetris a bordo do foguetão, noticia a New Scientist.

 

Assim, ambos os concorrentes estarão em pé de igualdade à chegada à Lua, faltando depois completar os restantes passos do concurso para vencer o prémio. John Thornton, CEO da Astrobiotic, descreveu esta fase final do processo como sendo um verdadeiro «NASCAR da Lua».

 

(retirado daqui)

 

Podem ler mais sobre o Google Lunar X Prize aqui.

100 Year Starship

Julho 13, 2011

Vera Gomes

A DARPA e o laboratório Ames (associado à NASA) lançaram um projecto que tem recolhido ideias sobre como se poderá realizar uma viagem que envie seres humanos para outro sistema planetário. A ideia não é só fazer exploração: consiste também em fazer a mudança permanente para esse destino e, quiçá, até ocorrerem nascimentos!

 

O projecto termina no dia 11 de Novembro de 2011 e as ideias poderão ser depositadas na página oficial do projecto onde também podem saber mais sobre o assunto. 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Onde compro livros

Free Delivery on all Books at the Book Depository

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Follow